Sex. Dez 4th, 2020

jornalismo cidadão

Rede de Repórteres sociais

Ser TORVC em tempos de COVID-19

3 min read

Carlos Ribeiro | Praça das Redes | 3 de Abril 2020 , com Catarina Paulos

Esta função pivot dos Centros Qualifica está a ser interpelada pelas novas condições de funcionamento impostas pelo COVID-19. Muitas das actividades agora realizadas a distância mantêm o mesmo sentido de relação-comunicação. Mas há outras que estão a ser desenvolvidas a um ritmo diferente e são mais exigentes em termos de acompanhamento.

É a experiência recente destas profissionais dedicados e entusiastas que queremos divulgar e debater na Comunidade Epale- Infonet. Falámos com Catarina Paulos a quem pedimos que nos acompanhe e nos apoie nesta conversa informal entre TORVC.

Afinal já estamos a construir o perfil do TORVC de amanhã. O que é idêntico ao que já era concretizado no Gabinete, atrás da secretária? O que é idêntico, mas agora realizado de forma diferente, com outros meios? O que é levado a efeito, agora nas condições a distância, que antes não constava nas tarefas do TORVC e que agora se tornou absolutamente indispensável?

A Educação de Adultos não pode parar…

Catarina Paulos | TORVC num Centro Qualifica

É isso mesmo, a Educação de Adultos não pode parar… e nem mesmo o coronavírus a trava. Com os recursos tecnológicos que atualmente existem, é possível continuar a desenvolver trabalho com os adultos que se encontram em percursos de educação/formação; o ritmo de trabalho pode não ser o mesmo, é certo, as sessões terão de ser à distância, mas as atividades vão sendo desenvolvidas, ajustando ritmos e diferentes níveis de literacia digital.

Trabalho desafiante

Nestas últimas duas semanas em regime de teletrabalho, é com agrado que noto uma boa adesão por parte dos adultos. O trabalho continua a ser desenvolvido e o acompanhamento pedagógico tem sido feito através de email e de plataformas tecnológicas como é o caso do Moodle e do Zoom. Este é um trabalho desafiante, tanto para os adultos como para os educadores de adultos; sem dúvida, estão a ser momentos de grande aprendizagem: por um lado, os educadores de adultos têm que se atualizar em termos de educação à distância, recursos tecnológicos existentes e selecionar os que melhor respondem às necessidades dos adultos que acompanham; por outro, os adultos têm que aprender a utilizar plataformas digitais que muitos desconheciam, e as dúvidas passam a ser esclarecidas não presencialmente, partilhando o mesmo espaço, mas em salas virtuais. 

Estratégias educativas criativas

Se é verdade que a pandemia da Covid-19 está a ter, infelizmente, efeitos devastadores, também está a potenciar a utilização de novas tecnologias e de estratégias educativas criativas, tanto por parte dos educadores de adultos como dos adultos em percursos de educação/formação formal e não formal, desenvolvendo competências diversas, nomeadamente a literacia digital.

Catarina Paulos, APCEP – Associação Portuguesa para a Cultura e Educação Permanente, Técnica de Orientação, Reconhecimento e Validação de Competências (TORVC) num Centro Qualifica.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.
error

Enjoy this blog? Please spread the word :)