Sáb. Out 24th, 2020

jornalismo cidadão

Rede de Repórteres sociais

E porque não terminar o 12º ano?

2 min read

Cármen Costa, Centro Qualifica Arrábida. Editado Carlos Ribeiro| Praça das Redes 27 de Abril 2020

Meu nome é Cármen Costa tenho 52 anos e é, com muito gosto, que vos conto a história do meu 12º ano que por sinal está a terminar.Quando eu tinha 16 anos terminei o meu 11ª ano e ingressei no mundo do trabalho.

Completar a escolaridade

A vida foi passando e com o tempo os meus estudos foram ficando para trás, até que quando trabalhava na Escola Secundária Lima de Freitas, em Setúbal, como auxiliar de educação tive conhecimento do Centro Qualifica Arrábida e das condições que ofereciam aos adultos para que pudessem completar a escolaridade.

Realizada também culturalmente

Na altura pensei, e porque não terminar o 12º ano? Propus-me a tal, afinal só me poderia trazer enriquecimento a todo o nível, foi o que fiz.

Nos dias de hoje estou muito contente com a minha decisão, pois sinto-me muito mais realizada pessoal e profissionalmente, até posso acrescentar culturalmente. O Centro Qualifica Arrábida deu-me a oportunidade de concretizar a minha escolaridade com todas as condições necessárias.

Bem-hajam

Falando agora dos professores, todas as palavras são poucas para lhes agradecer a atenção dispensada, o esforço deles para connosco, o seu profissionalismo, até me atrevo a dizer que se não fosse por vezes a força dispensada por eles eu talvez tivesse desistido, por tudo isto o meu muito obrigada a todos eles, bem-hajam.

Cármen Costa | RVCC Secundário

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.
error

Enjoy this blog? Please spread the word :)