Livraria solidária é cultura, animação comunitária e economia solidária

EXPERIÊNCIAS LOCAIS
A cultura como base de agregação de vontades e de interacções na comunidade. Note-se a referência “As receitas dos livros reverterão para causas culturais e solidárias da freguesia, como leituras ao domicílio e serões de conto”. Uma perspectiva de reinvestimento e de economia solidária.

PUBLICADO PELO “O CORVO”
Em Carnide há uma livraria solidária e leva histórias a casa de quem está sozinho
5 DE MARÇO 2018 · Texto: Sofia Cristino
Qualquer pessoa pode doar e comprar livros a preços que não ultrapassem os cinco euros, na nova livraria solidária de Carnide. Aberta há pouco mais de uma semana, já muitas pessoas a visitam, principalmente pelos valores acessíveis. Tanto que, logo no primeiro dia, uma mãe apareceu em busca de uma edição d’Os Maias para a sua filha poder lê-la. As receitas dos livros reverterão para causas culturais e solidárias da freguesia, como leituras ao domicílio e serões de conto. “Vamos visitar famílias com pais que não sabem ler ou escrever, que é uma realidade ainda muito presente”, afirma Paulo Quaresma, um dos mentores da livraria e antigo presidente da junta de freguesia. Os serões de conto terão lugar em sítios inesperados, como um café ou uma esquadra da polícia. A Boutique da Cultura, entidade que criou o espaço, recebeu inscrições de 70 pessoas para fazer voluntariado. “Até da Margem Sul vieram, o que também mostra o muito interesse que existe por este tipo de iniciativas”, salienta João Oliveira, outro dos responsáveis.

Fotografia Créditos do “O Corvo” e texto do O Corvo de Sofia Cristino

Publicado por Carlos Ribeiro/ 9 de março 2018

Please follow and like us:

Faça o primeiro comentário a "Livraria solidária é cultura, animação comunitária e economia solidária"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*